Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /kunden/483505_50739/webseiten/motorshows/geneva-2016/wp-content/plugins/qtranslate-x/qtranslate_frontend.php on line 507
Modelo de edição limitada com motor atmosférico e caixa de velocidades manual
Modelo de edição limitada com motor atmosférico e caixa de velocidades manual

Lobo na pele de cordeiro – o novo Porsche 911 R

Com o novo 911 R, a Porsche desvenda no Salão Automóvel de Genebra 2016 um desportivo purista com um conceito clássico: equipado com um motor Boxer atmosférico de quatro litros com 368 kW (500 CV) e uma caixa manual desportiva de seis velocidades, o 911 R segue a tradição do seu modelo histórico: um carro de corridas com homologação para circulação na via pública, construído em 1967. O 911 R (R de Racing), construído em série limitada, foi utilizado em ralis, na Targa Florio e em várias provas que resultaram em recordes mundiais.

Tal como o seu lendário precursor, também o novo 911 R aposta na rigorosa construção de baixo peso, desempenho máximo e uma experiência de condução sem filtros. Com um peso total de 1370 kg, este modelo especial limitado a 991 unidades é o mais leve da actual gama 911. Com o motor atmosférico de seis cilindros, extremamente rotativo, e a caixa de velocidades manual desportiva, a Porsche renova o compromisso para com os desportivos de alto desempenho especialmente emocionantes. Desenvolvido pelo departamento de desporto automóvel, o 911 R amplia a gama de potentes motores atmosféricos ombro a ombro com os modelos de corrida 911 GT3 e 911 GT3 RS.

Na traseira do 911 R, trabalha o motor Boxer de seis cilindros com quatro litros de cilindrada, já conhecido do 911 GT3 RS: o agregado de competição debita 500 CV às 8500 rpm e disponibiliza 460 Nm às 6250 rpm. A barreira dos 100 km/h é ultrapassada pelo modelo de tracção traseira em apenas 3,8 segundos. A condizer com o carácter purista do veículo, o 911 de peso reduzido é fornecido exclusivamente com uma caixa manual desportiva de seis velocidades. Cursos de engrenagem curtos sublinham a experiência de condução activa. A propulsão do 911 R termina apenas aos 323 km/h. O consumo de combustível combinado em NEDC é de 13,3 l/100 km.

Máquina de condução no seu estado autêntico: tecnologias do desporto motorizado

O 911 R é perfeito para as curvas apertadas: o eixo direccional traseiro, de série, especialmente adaptado proporciona um comportamento directo de entrada em curva e uma manobrabilidade precisa, ao mesmo tempo que oferece uma elevada estabilidade de condução. O bloqueio transversal mecânico do diferencial traseiro disponibiliza a tracção máxima. A desaceleração máxima é assegurada pelos travões PCCB (Porsche Ceramic Composite Brake), de série. Estes medem 410 mm no eixo dianteiro e 390 mm no eixo traseiro. Os pneus Ultra High Performance, nas dimensões 245 mm à frente e 305 mm atrás, mantêm o contacto com a estrada. Estão montados em jantes forjadas de 20 polegadas de peso reduzido, com fixação central em alumínio mate.

A divisão do desporto automóvel adaptou os sistemas de regulação do Porsche Stability Management (PSM) especialmente ao 911 R. Uma função de aceleração intermédia activável com o premir de um botão, para passagens de caixa perfeitas ao engrenar uma velocidade mais baixa, faz igualmente parte de repertório do 911 R, tal como o volante monomassa opcional. O resultado é uma melhoria significativa da espontaneidade e dinâmica de elevadas rotações do agregado. Para uma versatilidade sem limite no dia-a-dia, pode ser encomendado, a título opcional, um sistema de elevação. Este aumenta a distância ao solo em cerca de 30 mm no eixo dianteiro, bastando premir um botão.

Com um peso total de 1370 kg, o 911 R acusa menos 50 kg na balança do que o 911 GT3 RS. O capot dianteiro e os guarda-lamas são de carbono e o tejadilho é de magnésio. Esta medida reduz o centro de gravidade do veículo. O vidro traseiro e os vidros laterais traseiros são feitos de plástico leve. Além do mais, o isolamento interior foi reduzido e o banco traseiro dispensado. O ar condicionado opcional e o rádio com o sistema de áudio foram igualmente sacrificados no âmbito da dieta.

Lobo na pele de cordeiro: visual clássico do 911 com tecnologia das corridas GT

Por fora, o 911 R mostra-se reservado. À primeira vista, a carroçaria é semelhante à do Carrera. Apenas as secções dianteira e traseira do 911 GT3 revelam o berço do 911 R: o departamento de desporto automóvel em Flacht. Do ponto de vista tecnológico, o 911 R esconde uma panóplia impressionante debaixo do capot: a tecnologia de propulsão é oriunda do 911 GT3 RS. Todos os componentes de peso reduzido da carroçaria e o chassis completo são do GT3. A carroçaria dispensa, porém, a asa traseira fixa devido à orientação mais estradista deste desportivo. Em vez dela, um spoiler traseiro extensível, conhecido dos modelos Carrera, e um difusor inferior traseiro específico do R garantem a força descendente necessária. As saias dianteira e traseira são emprestadas do 911 GT3. O sistema de escape desportivo com disposição no centro da traseira é feito do material leve titânio. Na frente, estreia-se um novo lábio do spoiler. As inscrições Porsche nas laterais do veículo e as faixas vermelhas ou verdes que se estendem a toda a parte central do veículo evidenciam o grau de parentesco com o lendário antecessor.

O condutor senta-se em bacquets integrais de carbono com faixa central em tecido com padrão quadriculado Pepita, em sintonia com o primeiro 911 dos anos 60. Os comandos de direcção do condutor são dados através de um volante desportivo GT “específico do R”, com um diâmetro de 360 mm. As passagens de caixa ocorrem tradicionalmente através de uma alavanca de mudanças curta específica do R e do pedal da embraiagem. Os frisos decorativos de carbono no interior incluem uma placa de alumínio do lado do passageiro alusiva à edição limitada do 911 R. Outra característica típica dos veículos GT são os puxadores das portas, substituídos por simples laços.